sincretismo

Dezembro em Festa!

Dezembro em Festa!

As festas religiosas da Bahia são um patrimônio cultural do povo baiano, que resistiu bravamente ao processo de “modernização” do Brasil, no qual a Igreja Católica e os poderes públicos tentaram, a todo custo, controlar a religiosidade popular, retirando das festas de rua tudo àquilo que chamavam de “profano”. Mas esses esforços não surtiram efeito, e os “devotos continuaram transitando sem culpa entre os rituais católicos e os afro-brasileiros”[1]. No mês de dezembro celebramos Santa Bárbara, Nossa Senhora da Conceição da Praia e Santa Luzia. As festas populares, em dezembro, transformam as ruas de Salvador, estas se enchem de cores e gente! O calendário festivo religioso deste mês se inicia com a festa de Santa Bárbara, no dia 4 de[…]

Lavagem do Bonfim

Pessoal, Hoje vamos falar de uma das manifestações populares mais tradicionais da Bahia. Trata-se da lavagem das escadarias da Igreja do Senhor do Bonfim. Essa festividade teve início por volta de 1773. Naquele época, a Igreja era lavada por negros e negras, que preparavam o ambiente para grande festa. Nesse processo, muitos deles passaram a assimilar o santo católico a o orixá Oxalá considerado pela religião do candomblé como o pai de todos os orixás. Devido a aproximação da religião de matriz africana com as imagens católicas, ficou proibido pala arquidiocese de Salvador, que a lavagem fosse feita na parte interna de Igreja, permitido a penas que os adeptos realizassem o ritual a partir das escadarias e o adro. Contudo,[…]

Nossos Colaboradores