Literatura

Luiz Gama, um baiano cheio de ideais

 A breve biografia de Luiz Gama, escrita por Myriam Fraga, em 2005, dentro da coleção “A luta de cada um”, da Biblioteca Afro-Brasileira, da editora Pallas, é um convite saboroso para conhecer um dos homens mais importantes da nossa história, sobretudo quando se fala da luta abolicionista. Filho da quitandeira Luiza Mahin, africana de origem nagô, e de um fidalgo português, Luiz Gonzaga Pinto da Gama nasceu em Salvador, em 21 de junho de 1830. Luiza, embora fosse livre, participava ativamente de levante de escravos na cidade e nos arredores. Dentre as rebeliões de que participou, a mais famosa foi a Revolta dos Malês. Os malês eram escravos muçulmanos que não se conformavam com o cativeiro e sempre tentavam fugir[…]

Cine PW: O Contador de Histórias

Salve, salve, galera! Mais uma sessão do Cine PW, especial Novembro Negro! Hoje, trazendo a obra ‘O Contador de Histórias‘, um filme de Luiz Villaça, baseado em fatos reais da vida de Roberto Carlos Ramos. Um garoto mineiro negro, de origem humilde e bem criativo. Ele recriava as histórias e causos de sua própria vida, a ponto de chamar a atenção da professora francesa Margherit Duvas (Maria de Medeiros), que veio ao Brasil para homologaolver sua tese de doutorado, escolhendo o pequeno Roberto para participar de sua pesquisa. [youtube=http://www.youtube.com/watch?v=RjyTBYsJzMI&w=560&h=315]   Roberto é o mais novo de uma família de dez irmãos e, ainda com seis anos ele é levado pela mãe à antiga FEBEM, hoje Fundação Casa – Centro de[…]

Concurso Cultural “Todo livro começa com uma frase”

Oi, pessoal! Tudo bem? A Bienal do Livro Bahia 2013 começou na semana passada e a equipe do Professor Web marcará presença no evento! Nesta quinta-feira, 14 de novembro, vamos participar da sessão Blog, a nova literatura online/Literatura e mídias digitais na educação, dentro da programação do Território Jovem. E você, que é o nosso convidado especial, poderá participar também! Por isso, estamos lançando o concurso cultural Todo livro começa com uma frase. O concurso é voltado para estudantes da rede estadual de ensino e funcionará da seguinte maneira: @ estudante interessad@ em participar do concurso deverá criar uma frase em que una as palavras Bienal, leitura e Professor Web e enviar para o e-mail professorweb2010@gmail.com até às 14h desta[…]

Radiola PW: Zumbi

Olá colegas, tudo bem? Hoje, vamos iniciar mais uma semana do mês da consciência negra com música. Para isso, escolhemos uma canção que possui uma representatividade bastante relevante quanto ao contexto dessa época. A música dessa semana é “Zumbi”, escrita por Jorge Ben Jor, e apresentada pela primeira vez no álbum “A tábua de esmeralda” de 1972. Confira a letra: [youtube=http://www.youtube.com/watch?v=XLNnUPG2_WE] ZUMBI Angola Congo Benguela Monjolo Cabinda Mina Quiloa Rebolo Aqui onde estão os homens Há um grande leilão Dizem que nele há Uma princesa à venda Que veio junto com seus súditos Acorrentados num carro de boi Eu quero ver Eu quero ver Eu quero ver Angola Congo Benguela Monjolo Cabinda Mina Quiloa Rebolo Aqui onde estão os homens[…]

Sarau de abertura da Bienal irá homenagear a literatura negra e a cultura popular da Bahia

Nesta sexta-feira (08), a partir das 14h, um sarau literário na abertura da XI Bienal do Livro da Bahia 2013 irá homenagear personalidades da literatura negra e da cultura popular baiana. Com o tema “Negras Letras da Bahia”, o sarau terá a participação de atores do teatro baiano que irão recitar contos e poesias em homenagem à Ialorixá Mãe Stella de Oxossi, ao historiador Ubiratan Castro de Araújo, ao poeta Jonatas Conceição e ao cordelista Bule Bule, que participará da abertura com uma apresentação musical. A atividade está prevista para 14h e dará início à programação da Bienal que se estende até o dia 17 de novembro, no Centro de Convenções de Salvador. Sobre os homenageados Mãe Stella de Oxossi:[…]

Radiola PW: Respeitem meus cabelos, brancos

 Oi, pessoal! Tudo bem? Dentro de nossa programação do Novembro Negro, vamos falar de aspectos da arte e da cultura que dialogam com nossa identidade negra. Como novidade, estamos estreando a seção Radiola PW, em que analisaremos letras de músicas que trazem temáticas e assuntos interessantes. Hoje, vamos destacar uma canção que foi composta pelo cantor paraibano Chico César. A música Respeitem meus cabelos, brancos foi lançada no álbum homônimo, em 2002. Nela, Chico entoa um grito de liberdade e de respeito aos vários povos negros. Confira a letra: Respeitem meus cabelos, brancos (Chico César) Respeitem meus cabelos, brancos Chegou a hora de falar Vamos ser francos Pois quando um preto fala O branco cala ou deixa a sala Com[…]

Homenagem à literatura negra na Bienal do Livro

Olá, turma! Em sua 11ª edição, a Bienal do Livro, que acontece de 08 a 17 de novembro, no Centro de Convenções, em Salvador, com atividades diversas voltadas para educadores e estudantes das escolas baianas e leitores em geral. O evento também oportunizará mais uma vez  um contato estreito entre escritores, livros e leitores. Este ano a bienal contará com mais de 380 expositores, entre eles o estande da Secretaria de Educação do Estado da Bahia, onde O Professor Web se fará presente, num espaço cuja ênfase serão as discussões a cerca da literatura negra: Letras Negras – A literatura negra inspira a temática do estande do Governo, através de homenagem a importantes representantes da cultura afro-brasileira, entre eles Deoscóredes Maximiliano[…]

Terceira edição da FLICA

Fala, galera! Trazendo apresentações da Orquestra Sinfônica da Bahia, dos cantores Saulo e Armandinho, a terceira edição da Flica – Festa Literária Internacional de Cachoeira, acontecerá entre os dias 23 e 27 de outubro e contará com programação em toda cidade. Além de atender a todos os públicos possíveis. Já que a edição deste ano terá, pela primeira vez, uma programação exclusivamente voltada para as crianças: a Fliquinha. Entres os ilustres que farão a alegria da galerinha estão Antônio Cedraz, escritor e criador da Turma do Xaxado; a cantora e compositora Nairzinha, pesquisadora do folclore infantil brasileiro há 40 anos e a atriz Cássia Valle, que será responsável por contar histórias. As edições anteriores já atraíram mais de trinta mil pessoas entre[…]

O Enem e o Modernismo

Oi, pessoal! Tudo beleza? O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que acontece no próximo sábado (26) e no domingo (27), costuma trazer muitas questões sobre o Modernismo, importante movimento literário que teve o seu ápice, no Brasil, na segunda década do século XX, especificamente a partir da Semana de Arte Moderna, em 1922. O Modernismo foi uma manifestação cultural que tinha em sua essência buscar a ruptura, em termos artísticos, com o que estava estabelecido na sociedade. Para os modernistas, o artista tinha que ter liberdade de criação, não se fechando a nenhum método e sempre tendo a identidade brasileira como norteadora. Artistas como Manuel Bandeira, Mário de Andrade, Anita Malfatti, Di Cavalcanti, Menotti del Picchia, Oswald de Andrade, Tarsila do Amaral,[…]

Filmes e Bate-papo

Olá, galera esperta! A Fundação Cultural do Estado da Bahia continua com a programação, durante o mês de outubro, voltada para nossos estudantes baianos que serão submetidos às provas do ENEM 2013. Visando preparar os estudantes para as provas, a Agenda Cultural fará exibição de dois filmes cujos conteúdos e abordagens caem em vestibulares e no ENEM, dentro da atividade intitulada Filmes para Vestibular e Bate-papo. O objetivo é discutir criticamente o conteúdo contextualizando com a atualidade.  Aproveite a oportunidade para se preparar também. Serão duas obras: Faça a Coisa Certa, filme de Spike Lee, que traz uma discussão étnico-racial; além do filme O Crime do Padre Amaro, um longa português inspirado na obra de Eça de Queiroz. Ambas as[…]

Nossos Colaboradores