antropologia

Outubro Rosa – a saúde pública para a mulher e para todos nós.

Outubro Rosa – a saúde pública para a mulher e para todos nós.

O câncer de mama é uma doença que acomete um número muito grande de pessoas no planeta. Sua incidência tem sido revertida em muita dor  para pacientes, familiares e amigos de indivíduos atingidos. O século XX viu um grande crescimento do número de casos de câncer de mama e também de ações médicas e sociais para tentar lidar melhor com o problema. Além de estar ligado à questão da saúde pública, a doença se relaciona também com aspectos sociais relativos, sobretudo às condições de saúde     da mulher, de alimentação inadequada, da falta do hábito da medicina preventiva e da genética, que responde por mecanismos que parecem disparar o crescimento desordenado de células no corpo. Na década de 90, um movimento[…]

Radiola PW: “Não tenha medo. Denuncie!”

Radiola PW: “Não tenha medo. Denuncie!”

Oi, pessoal! A Radiola PW de hoje aborda uma temática importante e que deve sempre ser discutida: a violência contra a mulher. Os casos existem e persistem, infelizmente. Contudo, as mulheres estão mais conscientes, exigindo os próprios direitos e denunciando os seus agressores. Hoje, a cantora Aiace Félix, da banda Sertanília, tornou pública uma agressão que sofreu do taxista Antonio Ricardo Rodrigues Luz, em Salvador. “[…] Estávamos eu, minha irmã e uma amiga andando em direção ao Largo da Mariquita por volta das 05h:30 quando esse motorista, que estava parado na fila de Taxi em frente a casa, assediou minha irmã. Quando fui pedir por respeito, embora seja óbvio que ele é meu por direito, o taxista se sentiu incomodado por[…]

Cine PW – Que horas ela volta?

Olá, cinéfilos! Nesta semana, o blog vai indicar o filme brasileiro Que horas ela volta?, obra muito bem aclamada pela crítica e pelo público em 2015, recebendo algumas indicações como melhor filme estrangeiro no Critics’ Choice Award e também Satellite Award. Sob direção de Anna Muylaert, que também roteirizou, em parceira de Regina Casé, o filme retrata de forma muito delicada a vida de Val, interpretada pela própria Regina, uma empregada doméstica pernambucana que trabalha em São Paulo há mais de uma década para uma família rica. Nessa casa, Val se relaciona diferentemente com cada pessoa. Mas vale ressaltar a interação que ela tem com Fabinho, o filho dos patrões, que tem por Val uma afeição maternal, sentimento que não[…]

Radiola PW: História do Povo Umutina

Radiola PW: História do Povo Umutina

Oi, pessoal! Tudo bem? A dica de hoje da Radiola PW é a música História do Povo Umutina, de autoria de Ademilson Umutina, cantor e compositor. De acordo com informações do site Povos Indígenas no Brasil, os Umutina possuem “um forte sentido de identidade étnica, reconhecendo-se como tradicionais moradores do alto-Paraguai, envolvidos atualmente na recuperação de suas manifestações sócio-culturais (sic) tradicionais”. Talvez, por essa razão, os 447 Umutina que vivem na Barra dos Bugres, no estado de Mato Grosso, estejam lutando para recuperar a língua Umutina, pertencente ao tronco linguístico Macro-Jê, da família Bororo. Atualmente, eles se comunicam através da língua portuguesa. A música História do Povo Umutina toca nesse ponto de preservação cultural (o refrão diz: “Somos o povo[…]

Cine PW – Apocalypto

Olá, cinéfilos! O blog dedica inteiramente o mês de abril para trazer e discutir a história e cultura dos povos indígenas. Com isso, traremos produções que tratam desse universo, com intuito de enriquecer o nosso conhecimento e observar a riqueza cultural das inúmeras etnias que existiam e as que ainda existem e resistem. Para a primeira semana de abril, o Cine PW indicará o filme “Apocalypto”, dirigido por Mel Gibson e lançado em 2006. Essa super produção retrata a história de Jaguar Paw, um caçador que vive numa aldeia na América Central com sua esposa e filho. Durante a história, o personagem encontra com outras etnias, sendo uma delas, a civilização Maia. Jaguar então é capturado pelos maias e subjugado[…]

Cine PW – A Febre do Rato

  Olá, cinéfilos! Hoje, iniciaremos a Semana da Poesia aqui no nosso blog. Já pensaram se o cinema pode ser considerado poesia? Claro que, metaforicamente, teríamos a liberdade de concluir isso, mas podemos ir um pouco mais além. No filme, “A Febre do Rato”, dirigido por Cláudio Assis e lançado em 2012, o cinema e a poesia se mesclam de forma muito interessante. Como exemplo disso, podemos apreciar belos poemas que Zizo, poeta e personagem principal da obra, declama várias vezes durante a película. Isso nos faz pensar que é possível consumir uma determinada arte ainda que ela não esteja na plataforma que lhe foi categorizada, nesse caso, a literatura. Falando sobre a obra, “A Febre do Rato” é a[…]

Mostra de Cinema Indígena Chega a Salvador

A 5ª edição do Cine Kurumin chega pela primeira vez a Salvador, abrindo o calendário audiovisual de 2016 na Bahia. De hoje até 6 de março, o Palacete das Artes será palco da exibição de 32 produções de temática indígena, entre curtas, médias e longa-metragens – a maior parte inédita no circuito comercial. As tradicionais mostras a céu aberto tiveram início nas aldeias Tumbalalá, em Abaré, de 26 a 28 de fevereiro, e seguirá para Kiriri, em Banzaê, de 1º a 3 de abril. O projeto conta com apoio financeiro do Fundo de Cultura da Bahia, mecanismo de fomento gerido pelas secretarias de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) e da Fazenda (Sefaz), através do edital Agitação Cultural: Dinamização de Espaços[…]

A Mulher e os Espaços Ocupados no Carnaval da Bahia

A Mulher e os Espaços Ocupados no Carnaval da Bahia

A mulher hoje vem ocupando lugares de destaque e respeito cada vez maiores na sociedade baiana e brasileira. Na música produzida no e/ou para o carnaval da Bahia, mais centralmente no carnaval de Salvador, a presença feminina é marcante nos dias atuais. O número de intérpretes femininas é grande e o foco midiático sobre elas também. Nem sempre foi assim. O modelo do carnaval de rua soteropolitano data suas origens nos anos 50  do século XX, quando a dupla  Dodô e Osmar criou a Fobica, que depois originou o moderno Trio Elétrico. Nos anos sessenta e setenta, os afoxés e blocos afro ampliam sua ação no carnaval.   A primeira cantora a subir num Trio Elétrico para cantar foi  Baby do[…]

Cine PW – Bichas, o documentário

Olá, cinéfilos! Tudo bem? Estamos na semana de Gênero e Sexualidade e, para fomentar essa discussão, o Cine PW traz a obra “Bichas, o documentário”, um filme que retrata a vivência de seis jovens e as barreiras sociais que são encontradas no dia a dia. Dirigido por Marlon Parente, esse documento propõe uma revisão no olhar sobre a palavra “bicha”, que é comumente usada de forma ofensiva para ser tomada como um elogio, através da afirmação e do orgulho de ser homossexual. O documentário, que foi lançado dia 20 de fevereiro de 2016, apresenta também um diálogo sobre a violência e a intolerância, através das histórias que são contadas. As falas dos entrevistados provocam uma reflexão sobre os efeitos da[…]

Gênero e Sexualidade em Discussão

Oi, pessoal! Tudo bem? As discussões acerca da temática Gênero e Sexualidade estão presentes nos mais diferentes espaços sociais e fazem parte da agenda do dia de instituições que acompanham os debates da atualidade, a fim de contribuir para a construção de uma sociedade mais consciente. Nesse sentido, o Blog do Professor Web e da Professora Online não pode ficar alheio a isso tudo e, mais uma vez, dedica uma semana temática para refletir sobre o assunto. A escola, como importante espaço de formação cidadã, deve estar atenta para o que acontece dentro e fora de seus limites. A educação, para ter sentido, faz um diálogo com o mundo. Por isso, dar destaque a questões voltadas para gênero e sexualidade[…]

Nossos Colaboradores