4° Encontro Estudantil

JERP apresenta oficinas de caxixi e berimbau

Os Jogos Estudantis da Rede Pública (JERP) deram espaço à capoeira, nessa sexta feira, 4 de dezembro. No espaço, os visitantes poderam acompanhar oficinas onde instrutores ministravam aulas de confecção de caxixi e berimbau. Um dos instruntores era Adriano Ferreira da Silva, 29 anos, conhecido na capoeira como contra mestre Ratinho. “O Festival de Capoeira é resultado das politicas públicas que vêm abraçando cada vez mais a capoeira como parte da nossa cultura”, afirmou o Adriano, revelando a sua satisfação com o evento. Adirlan Passos, 21 anos, foi um dos alunos de capoeira que participou das confecções de caxixi e berimbau. “ A capoeira é uma arte nossa, então eu acho que deveria ser implantada nas escolas, pois ajuda na[…]

Capoeira, uma riqueza cultural

Olá, galera!! A Copeira é um patrimônio histórico que se expressam, ao mesmo tempo, a dança, os golpes, a brincadeira, o toque dos instrumentos, o canto, além de ser uma luta de resistência. No 4° Encontro Estudantil, acontece a Roda de Capoeira com a participação de vários agentes culturais, ligados a essas oficinas que busca a valorização de expressões artísticas e culturais afro-brasileiras. Em entrevista com o Professor Carlos Fereira, ele nos conta o valor da capoeira na educação de crianças e adolecentes: “A capoeira como ferramenta de educação homologaolve a criatividade, alegria, ritmo, coletividade, ou seja, o espirito de partilha, por isso vejo como uma grande contribuição, não só pelo lado histórico, mas também ajuda a seguir as regras[…]

Ser aprendiz , não existe tempo para aprender

 No último dia do 4º Encontro Estudantil, ocorreu a Premiação do Concurso Literário Roda de Prosa dos alunos do TOPA. O Topa ( Todos pela Alfabetização) realiza projetos de alfabetização com jovens, adultos e idosos desde 2007, homologaolvido pela Secretária da Educação e o governo federal. Já alfabetizaram mais de 1,3 milhões de pessoas que não tiveram a oportunidade de estudar na idade regular. Elenice Silva , 59 anos , dona de casa, de Ipiaú , aluna do projeto e autora do poema cujo título é ” TOPA”, relata que com essa iniciativa aprendeu ainda mais que escrever, ler e a criar poemas, foi um aprendizado que conservará para toda a sua vida.  Ela está feliz em participar da premiação,[…]

A cultura e o progresso: alguns projetos da EPA

Estudante-repórter: Érica de Jesus   A professora de história Mocita Reis, 40 anos, é a orientadora de um projeto realizado no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, de Bom Jesus da Lapa, e está participando pela segunda vez consecutiva do 4° Encontro Estudantil, através da EPA (Educação Patrimonial e Artística). As manifestações culturais do sertão nordestino é o tema do projeto, que aborda as riquezas patrimoniais e culturais, como a romaria e a Festa do Divino. O estudante Luan Borges, 16 anos, que cursa o 2° ano do Ensino Médio no colégio citado, explicou por que o tema do álbum  é Ser tão cultural: “É uma chamada para olhar a si mesmo, o ser, a pessoa; buscar as raízes que foram[…]

Palco Livre para todos os talentos

Estudante-repórter: Dandara Lopes Olá, galera! Beleza? Estamos no segundo dia do 4º Encontro Estudantil, na Tenda Digital, um espaço para produção, difusão e compartilhamento das mídias e tecnologias educacionais da Rede Anisio Teixeira. O Palco Livre faz parte da Tenda Digital e é totalmente aberto para que estudantes, professores e visitantes mostrem os seus talentos. No áudio a seguir, o professor Samuel Oliveira explica um pouco sobre o Palco Livre. Confira: Dandara Lopes tem 14 anos, é estudante do Colégio Estadual Governador Lomanto Júnior, que fica em Salvador, e faz parte da equipe de Cobertura Colaborativa Estudantil.

Diversidade étnica e cultural no 4° Encontro Estudantil

Estudante-repórter: Lucicarla Lima A II Mostra Fotográfica Faces da Escola traz uma exposição de pessoas, culturas e comunidades baianas, sob o olhar de educadores da rede pública de ensino. Foi necessário viajar por várias cidades do interior do estado, filmando e documentando as diversas culturas e identidades do povo baiano. A exposição mostra uma diversidade étnica muito grande: brancos, negros e índios. A Mostra investiga um pouco da indentidade cultural desses povos. Peterson Azevedo, fotógrafo e professor da Rede Anísio Teixeira, conta a importância do Faces da Escola para a educação: “A obras mostram, por meio da imagem, o protagonismo juvenil, o fazer desses estudantes; e mostra que a escola pública não é suja ,não é degradada, acabando com essa[…]

"Xadrerizando…"

Estudante-repórter: Érica de Jesus Oi, turma! Tudo bem? Rita Boenes, 50 anos, professora de educação física, trabalha há cinco anos com jogos de xadrez, no Colégio Estadual Duque de Caxias (CEDC), localizado no bairro da Liberdade, em Salvador. “Além de diversão e entretenimento, os alunos homologaolvem habilidades cognitivas, raciocínio lógico, comportamental e educacional. Sendo assim, auxilia os alunos nas matérias exatas e nas de sociologia e filosofia”, afirma Rita. O estudante Denílson Oliveira, 17 anos, que cursa o 3° ano do Ensino Médio, no CEDC, foi um dos participantes da competição Festival de Xadrez, no 4° Encontro Estudantil, contou um pouco sobre a sua experiência com o jogo de xadrez: “Quando você se dedica ao xadrez, você vê a vida[…]

Agora o AEW está mais perto de você!

Estudante-repórter: Lucicarla Lima Olá, galera! O Ambiente Educacional Web (AEW) é um espaço pedagógico em que estudantes e professores podem acessar, compartilhar e construir conhecimentos por meio das tecnologias da informação e da comunicação . Em comemoração aos seus 5 anos, foi lançada,  durante o 4° Encontro Estudantil, a nova versão do AEW. Agora, conta com layout dinâmico e que permite a navegação mobile. Ou seja, em smartphones, tablets, notebooks etc. O coordenador da Rede Anísio Teixeira, Yuri Wanderley,  contou um pouco sobre a  plataforma educacional: “Tudo que está no AEW é livre. São vídeos, jogos, animações que possibilitam à pessoa estudar da forma que ela se sente à vontade. A novidade é que ele pode ser acessado em um[…]

JERP: esporte, saúde, educação e diversão!

Estudante-repórter: Érica de Jesus Olá, pessoal! O estudante André Sousa, 14 anos, 6° ano do Ensino Fundamental II, do Colégio Estadual Princesa Izabel, que fica em Salvador, no bairro Cidade Nova, participou dos Jogos Estudantis da Rede Pública (JERP), no primeiro dia do 4° Encontro Estudantil. Ele relata como o esporte o ajudou a valorizar a saúde e o jeito de ver o mundo, as pessoas  e a sociedade: “Aprendi a superar as dificuldades no esporte  e o JERP nos dá oportunidade de monstrar o nosso talento”. André disputou com a  equipe de Handebol de sua escola. Os Jogos Estudantis da Rede Pública (JERP) é um projeto homologaolvido pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia e tem competições de basquete,[…]

Mostra do Encante revela talentos no 4º Encontro Estudantil

Estudante-repórter: Roniton Fernandes Olá, amigos! Beleza? Hoje, 2 de dezembro de 2015, na Arena Fonte Nova, foram iniciadas as primeiras apresentações dos corais da 2ª Mostra do Encante. Quem assistiu, pôde acompanhar grupos de diversos municípios entoando canções e criando uma atmosfera de alegria e encantamento. Um dos grupos que se apresentaram foi o Coral CELEM, representando o Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães, da cidade de Juazeiro. “Foi muito gratificante saber que íamos nos apresentar aqui no Encontro. A expectativa, com certeza, é ganhar”, revelou João Cezar da Silva, 18 anos, mostrando otimismo para a apresentação. O maestro do Coral CELEM, Robson de Matos, 40 anos, falou sobre a importância do evento para a cultura: “É de grande importância, pois[…]

Nossos Colaboradores