Internet

Em tempos de fake news, leituras críticas…

Em tempos de fake news, leituras críticas…

Está todo mundo falando em fake news, do congresso americano, ao seu Francisco, dono da quitanda aqui da rua. Ele me contou que foi vítima de uma fake news. Um conhecido lhe mandou um zap com a foto de sua esposa saindo de um hotel com um homem desconhecido. Ele brigou com a esposa e acabou se separando dela por causa disso. Tempos depois, descobriu que a esposa estava falando a verdade e que o conhecido que lhe mandou o zap tinha interesse em prejudicá-lo. Agora, a esposa não quer mais saber dele. As fake news são os mais novos, ao mesmo tempo velhos, problemas da nossa sociedade. Novos, porque agora, difundidos pelas redes sociais e pelos dispositivos móveis, potencializam[…]

Os limites de exposição nas redes sociais

Os limites de exposição nas redes sociais

Na sociedade atual, o crescente avanço tecnológico e a popularização das chamadas “Redes Sociais” têm sido bom para uns e ruim para outros. As relações humanas têm esfriado e a capacidade de se comunicar a distância pode ser a causadora disso. A ausência da necessidade de estar presente no mesmo local que alguém, para dialogar com o mesmo, é um ponto delicado. Há uma linha tênue nesta imersão nas redes sociais e isso causa uma barreira de isolamento entre você e aqueles que estão à sua volta. De acordo com Magaldi Filho, a solidão é necessária, mesmo que em pequena quantidade, para o desenvolvimento pessoal de cada ser humano. Quando estamos sozinhos, percebemos quem realmente somos e descobrimos todas as[…]

Phubbing e WhatsAppinite: problemas do mundo contemporâneo!

Phubbing e WhatsAppinite: problemas do mundo contemporâneo!

Uma situação bastante comum nos dias de hoje, seja numa saída entre amigos, reunião de família, reunião de trabalho ou coisa do gênero, tem sempre alguém que não desgruda do celular. Já se sentiu irritado, incomodado ou anulado por alguém em situação igual ou semelhante? Mais precisamente, já disse ou ouviu essa frase: “Pare com esse celular!” Pois bem, esse tipo de comportamento tem mobilizado uma campanha de caráter global: “Stop phubbing!” Ela aborda um comportamento social alimentado cada vez mais pelos avanços tecnológicos oferecidos pelos Smartphones. A intenção maior da campanha, idealizada pelo estudante universitário australiano Alex High, é restaurar o contato social entre as pessoas. Fig.1Phubbing   Talvez você desconheça a palavra ou expressão. Como se pode observar[…]

Tecnologias da informação e da comunicação: seus benefícios e malefícios nos dias de hoje

Tecnologias da informação e da comunicação: seus benefícios e malefícios nos dias de hoje

Estudante-Repórter: Victor Zachariadhes* O uso da tecnologia nos dias de hoje tem sido muito eficaz, pois tem ajudado em diferentes setores, como na escola ou no trabalho. Perguntamos a Edson Neto, 22 anos, que trabalha na coordenação de logística do Instituto Anísio Teixeira, quais os pontos positivos e negativos do uso da tecnologia nos dias de hoje: “Para mim, através de um sistema, conseguimos unificar tudo. Hoje em dia, não precisamos ficar procurando formulários, papeladas.  O que antes se resumia em um livro, hoje se resume em um pendrive que cabe na palma de minha mão”. Ele disse ainda que acompanha os avanços da tecnologia: “Estou sempre mantendo contato com computador e internet”. E pra você, quais os pontos negativos[…]

Tecnologias que deixaram saudade

Tecnologias que deixaram saudade

Estudante-repórter: Elias Júnior* Olá, jovens! É difícil não lembrar das tecnologias utilizadas antigamente, que fizeram parte da vida de várias pessoas. Essas tecnologias foram renovadas ou até esquecidas por parte da sociedade. Mas, afinal, estas novas ferramentas estão mesmo trazendo um ponto positivo para a sociedade? Com base nisso, nós, estudantes de produção de mídias na educação, com o apoio da Rede Anísio Teixeira, fomos atrás dessa resposta. Entrevistamos Carmem Lúcia Pinto dos Santos, funcionária do Instituto Anísio Teixeira, que é a atual encarregada da turma de conservação e limpeza, para saber a opinião dela. Blog da Rede: Das tecnologias do passado, quais marcaram a sua vida? E o que melhorou para a sociedade com as tecnologias da informação e comunicação[…]

Tecnologia e Juventude

Tecnologia e Juventude

Estudante-repórter : Paloma Almeida* Hello, galerinha !! As novas tecnologias interferem negativa ou positivamente na vidas dos jovens? O Blog da Rede foi  atrás dessa resposta! Lilian Rezende, 53 anos, pedagoga , diz que “não apenas na vida dos  jovens, mas também na das pessoas de modo geral. O mau uso da tecnologia pode causar um distanciamento real entre as pessoas . Porém, a comunicação virtual tá (sic) ganhando mais espaços que as relações pessoais e isso é um risco que chega a qualquer um, não só aos jovens. As tecnologias podem atrapalhar os jovens na escola, mas não necessariamente, pois as novas tecnologias podem ajudar em muitas coisas, principalmente na aprendizagem. Elas podem atrapalhar se não tiver uma direção[…]

As novas tecnologias prejudicam a sociedade?

As novas tecnologias prejudicam a sociedade?

Estudante-repórter: Luana Brito* O Blog da Rede saiu pelos corredores do Instituto Anísio Teixeira (IAT) para saber o que as pessoas acham em relação ao uso das novas tecnologias na nossa sociedade: é bom ou ruim? Ajuda ou atrapalha? A secretária da Rede Anísio Teixeira, Patrícia Oliveira, 40 anos, deu a opinião dela: “A internet, na família, prejudica sim. Em contrapartida, ela também favorece muito no aprendizado, nas informações e até em termos de cultura e tudo mais!”. Patricia também disse que a internet distancia as famílias e as pessoas, porque, hoje em dia, perde-se mais tempo trocando mensagens no WhatsApp do que conversando uns com os outros. ________ * Luana Brito tem 16 anos, é estudante do Centro Estadual[…]

Plataforma Anísio Teixeira colabora para Educação Pública na Bahia

A Plataforma Anísio Teixeira foi desenvolvida pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia, por meio do Instituto Anísio Teixeira, órgão especial desta administração. Ela integra um conjunto de serviços, softwares livres e Recursos Educacionais Abertos (REAs) para práticas pedagógicas e gestão de acervos on-line, voltados para a educação básica. O desenvolvimento, a curadoria e a gestão pedagógica da Plataforma está sob responsabilidade de uma equipe de professores e técnicos da rede pública estadual de ensino, preparados para produzir, compartilhar mídias e tecnologias educacionais livres, de  forma crítica, contextualizada e colaborativa. Lisandro Salazar é o líder de uma equipe de desenvolvimento formada por Gabriel Luhan, Josymar Alves e Nicolás Romero que dedica-se cotidianamente para melhoria do trabalho, visto que o[…]

Rafael Lange, o Cellbit e a influência dos jogos.

Rafael Lange, o Cellbit e a influência dos jogos.

Estudante-repórter: Lorena Souza* Rafael Lange, mais conhecido como Cellbit, é um dos criadores de conteúdos para internet que bombam por aí! Ele, um jogador nato, contou para a gente como os jogos influenciam na vida dos jovens e como enxerga o mercado dos games daqui a 10 anos. Vem conferir! ________________ *Lorena Souza tem 16 anos, é estudante do Colégio Estadual de Aplicação Anísio Teixeira e integra a equipe da Cobertura Colaborativa Estudantil 2017.

Rede Anísio Teixeira é vencedora em duas categorias do Prêmio ARede Educa 2016

Rede Anísio Teixeira é vencedora em duas categorias do Prêmio ARede Educa 2016

Olá, pessoal! É com grande felicidade que nós, Educadores e Educadoras da Rede Anísio Teixeira, compartilhamos com vocês essa importante conquista. O nosso Programa de Difusão de Mídias e Tecnologias Educacionais Livres da Rede Pública Estadual da Bahia (Rede Anísio Teixeira) foi vencedor em duas categorias do Prêmio ARede Educa 2016. Fomos premiados, em 2º lugar, na categoria “Mídias Sociais”, com o Blog do Professor Web e da Professora Online; e também em 2º lugar, com o Ambiente Educacional Web, na categoria “Plataformas Educacionais”. Além disso, fomos um dos finalistas do Prêmio Especial REA. Todos os vencedores do Prêmio integram o 8º Anuário ARede 2016-2017. Esse é um importante reconhecimento ao trabalho que estamos realizando na Rede Pública de Educação do nosso[…]

Nossos Colaboradores