Educação Especial

Língua Brasileira de Sinais

De acordo com a Lei n.º 10.436, sancionada pelo então presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, em 24 de abril de 2002, a Língua Brasileira de Sinais (Libras) é “a forma de comunicação e expressão, em que o sistema linguístico de natureza visual-motora, com estrutura gramatical própria, constituem [sic] um sistema linguístico de transmissão de ideias e fatos, oriundos de comunidades de pessoas surdas do Brasil”. A Libras faz parte das iniciativas do Ministério da Educação (MEC), através da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (Secadi), para promover a inclusão social de pessoas com deficiência. Uma das ações dessa secretaria é o Prolibras, Programa Nacional para Certificação de Proficiência no Uso e Ensino da Língua Brasileira de Sinais-Libras[…]

Sistema Internacional de Medidas

Olá Pessoal! Escrever as unidades de medidas, segundo as normas internacionais estabelecidas é uma questão de cidadania e um dever do profissional. É muito comum encontrarmos em folders, cartazes, panfletos, revistas, jornais, etc. as unidades de medidas escritas em desacordo com esses padrões. Contudo, nada é tão desconcertante, quando isso acontece em instituições de ensino, embora ocorra também em outros órgãos públicos, em clínicas, em embalagens de produtos de todas as espécies, etc. Essa conduta pode levar à perda de credibilidade e, consequentemente, a perda de interesse pelo produto, se for o caso. Hoje, falaremos dos equívocos cometidos em relação a escrita das unidades de medidas. Antes, porém, vamos a um breve histórico. Em todo mundo, havia vários sistemas de[…]

Acessibilidade, Matemática e Tecnologia

A acessibilidade ainda é um grande problema nos grandes centros urbanos. Trafegando pelas ruas, encontramos facilmente vagas especiais ocupadas irregularmente, rampas de acesso projetadas fora das especificações técnicas, ausências de banheiros adaptados, entre outros problemas. Conversando com um aluno portador de deficiência, ele me relatou que a maior dificuldade encontrada estava relacionada às rampas de acesso. Segundo ele, muitas delas são construídas de forma inadequada. Do bate-papo, surgiram alguns questionamentos: “Será que as rampas de acesso presentes em espaços públicos, repartições e escolas estão adequadas para os portadores de deficiência? Como saber se um local é ou não acessível? De que forma a Matemática ensinada nas escolas poderia ajudar essas pessoas?”. A Matemática está presente em quase tudo. É possível[…]

Educação Especial: uma questão de cidadania

Olá, galera! Iniciamos o mês de agosto com uma temática muito interessante. Vamos “bater um papo” informativo, esclarecedor e sério sobre Educação Especial,Ética e Cidadania.Outros temas também serão discutidos durante este mês.Mas,manteremos um foco mais aguçado sobre estes acima mencionados. O exercício da Educação Especial requisita e pressupõe direitos,logo,falamos em Cidadania. A Ética tem uma grande influência sobre a Cidadania,pois ela trata da conduta humana,e é através desta que os direitos políticos,sociais e civis do cidadão serão assegurados.É possível ,então,perceber que em determinados momentos os temas em questão podem estar entrelaçados. O protagonista deste texto é o cidadão com necessidades especiais educacionais, que necessita de uma Educação Especial voltada para estudantes com transtornos globais de homologaolvimento e com altas habilidades/superdotação.[…]

II Seminário de Educação e Tecnologia: como foi o segundo dia

A sessão de compartilhamentos abriu as discussões do segundo dia do II Seminário de Educação e Tecnologia. Professoras e professores da rede estadual de ensino apresentaram aos participantes os trabalhos que homologaolveram em suas respectivas unidades escolares, com o auxílio das tecnologias digitais. Cristine Pires, do Colégio Estadual Professor Aristides de Souza Oliveira, falou sobre o Aristides em Ação; Atonio Vilas Boas, do Colégio Estadual de Conceição do Jacuípe, defendeu Outras Linguagens no Ensino de História; Rejane Ramos, do Colégio Estadual José Antônio de Almeida, apresentou o Movidos pela História. Logo após, formou-se a mesa Tecnologias Assistivas e Robótica Livre na Educação, com Patrícia Magris (do projeto Robótica Pedagógica Livre) e Marcos da Paz (do Guarux). Patrícia falou da relação[…]

Cine PW – City Down – A história de um diferente

Salve, salve, turma! O Cine PW de hoje indica o filme City Down – A história de um diferente. O longa, produzido pela CINEPEL – Associação Pelotense de Cinema, retrata a história de um jovem que nasce numa cidade onde todos possuem Síndrome de Down e, por não possuir tal síndrome, sofre discriminação durante toda a sua vida. [youtube=http://www.youtube.com/watch?v=Ejnmmtf_zdM&w=420&h=315] A partir de uma inversão de papéis, City Down – A história de um diferente trata das discriminações sofridas pelos portadores da Síndrome de Down.   

Universidade realiza fórum para discutir direitos das pessoas com deficiência

Núcleo de JornalismoAssessoria de Comunicação Em 1982, por iniciativa de movimentos sociais, foi instituído o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, celebrado anualmente em 21 de setembro. Porém, somente em 14 de julho de 2005 a data foi oficializada pela Lei nº 11.133. Em comemoração a data, a UNEB vai realizar no dia 20 deste mês, a partir das 8h, no Teatro UNEB, no Campus I da universidade, em Salvador, nova edição do Fórum de Formação Permanente em Educação Inclusiva. A iniciativa é promovida pelo Núcleo de Educação Especial (Nede), órgão suplementar vinculado à Reitoria da instituição, em parceria com o grupo de pesquisa Inclusão e Sociedade, do Programa de Pós-Graduação em Educação e Contemporaneidade (PPGEduC). Para participar,[…]

Dia Nacional da Lei da Libras – Por uma sociedade inclusiva!

Olá, pessoal! Em 24 de abril de 2002, foi sancionada a Lei 10.436, a partir de então, nesta data celebramos o Dia nacional da lei da libras. Muito além das celebrações, essa Lei, figura como uma conquista para a comunidade surda em nosso país, pois reconhece a Língua Brasileira de Sinas – Libras, como meio legal de comunicação e expressão, assegurando assim, o uso e difusão desta, que é própria e natural da pessoa surda. Embora o acesso igualitário a educação, trabalho, bens ou serviços, seja legalmente instituído, sabemos que a realidade das pessoas com deficiência não corresponde ao que podemos qualificar de, no mínimo ideal, visto que, ainda vivemos em uma sociedade pouco inclusiva e de políticas públicas ineficazes.[…]

Dica do Professor Web – Inclusão Social

Olá, galera. Tudo bem? Vocês são parceiros na inclusão social? Inclusão social é promover maneiras para que pessoas com necessidades especiais vivam com dignidade e conforto, assegurando que seus direitos sejam respeitados por todos os segmentos da sociedade, viabilizando o acesso igualitário ao estudo, diversão e trabalho. Essa não é uma tarefa fácil, porém juntos podemos mudar essa realidade, se, por exemplo, aprendermos a linguagem de sinais, fica mais fácil nos comunicarmos com os deficientes auditivos. Conheçam mais sobre LIBRAS! “As Línguas de Sinais (LS) são as línguas naturais das comunidades surdas. Ao contrário do que muitos imaginam as Línguas de Sinais não são simplesmente mímicas e gestos soltos, utilizados pelos surdos para facilitar a comunicação. São línguas com estruturas[…]

Nossos Colaboradores