… É juntos mudarmos o mundo!

Por: Renato Borges

Sou professor da educação básica e tenho muito orgulho, pois sei o quanto sou importante na construção de uma sociedade mais igualitária.

Ser professor é vivenciar várias realidades em um pequeno espaço e ser acolhedor com cada uma delas.

Ter a percepção aguçada para ver as dificuldades que não são ditas, mas são existentes.

Ter a versatilidade de andar por diversas áreas do conhecimento e conseguir transmiti-lo.

Ser o grande estrategista que traça várias ações para alcançar seu alvo.

Ser a escuta de várias famílias que te procura para falar sobre as suas particularidades.

Ser o artista que atua, canta, dança, desenha e pinta para tornar as suas atividades diárias mais interessantes.

Ser mágico.  De atender 30 alunos em um espaço que cabe 15.

Ser professor é todos os dias estar buscando se atualizar com novidades e novas práticas.

O professor da educação básica é indispensável na construção de uma sociedade, pois é ele que proporciona a base do conhecimento para vida dos estudantes. E diversas vezes a sociedade não nos enxerga e ficamos no anonimato das nossas salas de aulas, sendo resilientes a toda força social que descaracteriza, desvaloriza e descredibiliza o ato de educar. Serei educador até o fim e gritarei com voz alta: que a criatividade, a alegria, o amor, e a positividade devem ser as ferramentas essenciais para alcançar cada indivíduo e juntos mudarmos o mundo a partir do metro quadrado que habitamos.  Feliz dia do professor!

Renato José Queiroz Borges, Professor da Rede Municipal de Ensino, Psicopedagogo e Especialista em Gestão Pública e Gestão Escolar.