Poesia em Movimento

Fala galera! Como vai?

Quem foi que disse que jogador de futebol não gosta de estudar? Que não gosta de poesia?  Que não curte cultura?

Para nós, professores do Colégio Estadual Pedro Calmon, isso não é verdade. Pois é, lá temos um aluno, chamado Lucas, que adora declamar poesias (de sua autoria ou não), ler seus textos em voz alta e clara, repleta de toda satisfação,  como diz a canção do Lulu Santos. Deixando todos orgulhosos, envaidecidos e vidrados no seu potencial artístico, visual e cultural; pois quando declama gesticula, faz caras e bocas, aumenta e diminui a voz, olhando para tudo e para todos, colocando sempre temas atuais e de renomada importância.

 

Lucas Costa recitando uma poesia de sua autoria, na escola Estadual Pedro Calmon. Foto: Marcia Cristina

E para surpresa de muitos, ele faz parte da categoria de base do Esporte Clube Bahia (sub 17), mora  junto com outros jovens de outras categorias no Fazendão, no bairro Jardim das Margaridas. Tem suas atividades esportivas no diurno, e estuda no turno noturno, cursando o 2º ano do Ensino Médio. Cumpre bem suas atividades escolares e tendo tempo livre adora escrever e ler. Seu público cativo são seus colegas de clube, sala de aula e de quebra, os professores.

É preciso considerar que alguns jogadores de futebol profissional abandonam ou concluem com dificuldades o ensino médio, pois, muitas vezes precisam viajar para campeonatos fora da sua cidade e estado, ficando muito difícil uma sequência nos estudos. Para nós, professores de Lucas, fica a certeza de que a faculdade pode até esperar, porém a busca pelo conhecimento não!

Parabéns Lucas!

 

Autoria:  Márcia Cristina, professora do Colégio Estadual Pedro Calmon.

 

Poesia em Movimento

Nossos Colaboradores