AIDS: o que pensam os adolescentes?

Estudante-repórter: Paloma Almeida*

Olá, galera! Tudo bem ? AIDS- ontem e hoje: o que pensam os jovens? Nós fomos atrás dessa resposta! Segundo Bianca Sobrinho, 18 anos, estudante do Centro Estadual Educação Profissional em Gestão e Negócios do Centro Baiano Professora Felicidade de Jesus Magalhães, que fica em Jacobina, “AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) não é um assunto muito aprofundado nas escolas, se aprofundam mais nas DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis) no geral”.

fig.1: Bianca Sobrinho: AIDS como tema de projeto da Feciba (Feira de Ciências, Empreendedorismo e Inovação da Bahia)

Ela relata também que o motivo de escolher e aprender mais sobre esse tema foi por curiosidade. Ainda disse que o índice de pessoas que fazem tratamento no hospital que fez a pesquisa, na sua cidade, é de 30% a 40% . Para ela, o fato da incidência de AIDS ser mais entre os jovens, é por eles estarem entrando na vida sexual mais cedo e também por causa da falta de conhecimento sobre o assunto.

E você? O que acha sobre o assunto? Deixe sua opinião.

*Paloma Almeida tem 16 anos, é estudante do Centro Estadual de Educação Profissional em Controle e Processos Industriais Newton Sucupira e integra a atual turma da Cobertura Colaborativa Estudantil.

AIDS: o que pensam os adolescentes?

Nossos Colaboradores